Carrinho

Teleatendimento: 0800-300-5555 / (11) 3075-6850

Você está em: Santos e Ícones . História de Santos . São Renato Goupil

Santos e ícones Católicos

História de São Renato Goupil

Médico, Padroeiro dos anestesistas e dos surdos

Origens São Renato nasceu em 15 de maio de 1608, na pequena Saint-Martin-du-Bois, vila que pertencia à diocese de Angers, na França. Pelo fato de ser deficiente auditivo, venceu grandes barreiras na época, pois conseguiu aprender a ler e escrever e avançar nos estudos. Numa sociedade que marginalizava o deficiente, conseguir estudar, em si, era um feito grandioso e heroico. Isso mostra a força de caráter e perseverança deste jovem.

Dificuldades por causa da surdez e superação

São Renato avançou nos estudos e foi estudar na cidade de Paris. Lá, sentiu-se chamado para a vida religiosa e entrou para o noviciado dos jesuítas. Os estudos avançaram. Porém, num dado momento, teve que deixar o noviciado por causa de sua deficiência auditiva. Mas ele não se deu por vencido. Ingressou numa entidade de ensino leiga, tipo universidade e formou-se médico cirurgião. Mantendo ainda sua vocação para a vida religiosa, ofereceu-se para trabalhar em hospitais fundados e mantidos pelos jesuítas no Canadá.

Missão no Canadá

Em 1640, Sào Renato Goupil se juntou à missão de São José, na cidade de Sillery, no Canadá. Ali exerceu a medicina com dedicação e amor, salvando vidas num mundo novo e perigoso e vivendo a vida religiosa dos jesuítas. Os jesuítas avançavam na missão e São Renato fazia a “cobertura” com todo o seu conhecimento de medicina e estudos gerais. Sua deficiência era superada a cada dia para o bem de todos.

Martírio Dois anos depois de instalado no Canadá, São Renato embarcou numa missão junto com o Pe. Isaac, na terra dos índios Urani. Eles viajavam de canoa quando caíram numa emboscada de uma tribo inimiga dos Urani. O fato aconteceu perto do Lago São Pedro dos Irochesi. Prisioneiros na tribo, São Renato e os outros foram cruelmente torturados, tendo partes do corpo dilaceradas além de brasas e cera derretida derramados sobre seus corpos. Mesmo assim sobreviveram.

Morte

Os jesuítas foram se recuperando aos poucos dos ferimentos, mas foram mantidos prisioneiros na tribo. São Renato conquistou a amizade de algumas crianças e brincava com elas. Certo dia, porém, os índios o viram ensinando as crianças a fazerem o sinal da cruz. Por causa disso, foi covardemente espancado e, por fim, uma flecha o matou. Era 29 de setembro de 1642. Assim, São Renato passou a ser celebrado no dia 29 de setembro.

Mártires

São Renato Goupil foi o primeiro mártir Jesuíta na América do Norte. Quatro anos mais tarde outros seis jesuítas também foram martirizados. Eles foram beatificados no ano 1925 e canonizados em 1930, através do Papa Pio XI.

Oração a São Renato Goupil

Ó Deus, que destes são Renato Goupil a força para superar sua deficiência auditiva a ponto de ele se tornar médico e evangelizador; destes também a ela a fé para enfrentar a morte por causa de vosso Nome e do vosso reino, dai também a nós a graça da perseverança e da superação de nossas deficiências. Por intercessão de São Renato, fortalecei os deficientes auditivos e iluminai os médicos, especialmente os anestesistas. Amém. São Renato Goupil, rogai por nós.”

Veja alguns produtos de Outros Santos