Carrinho

Teleatendimento: 0800-300-5555 / (11) 3075-6850

Você está em: Santos e Ícones . Oração, Terço de Santo . São Vicente de Paulo

Santos e ícones Católicos

Oração, Terço de São Vicente de Paulo

Terço de São Vicente de Paulo

Protetor dos pobres, doentes e necessitados, Patrono de todas as obras de caridade da Igreja

São Vicente de Paulo nasceu em 1581, numa aldeia ao sul da Paris e foi batizado no mesmo dia. Terceiro filho de camponeses católicos, cujos seis filhos foram catequisados em casa, pela mãe,Bertranda. Vicente destacou-sepela inteligência e piedade. Tornou-se professor. Estudou teologia na Universidade de Toulouse efoi ordenado padre aos dezenove anos.Ao buscar uma herança em doação, o navio em que viajava foi atacado por piratas turcos e São Vicente foi feito prisioneiro. Depois, vendido como escravo em Túnis. Passou pela mão de vários senhores e acabou sendo escravo de um fazendeiro, que tinha sidocatólico,mas, com medo de ser feito escravo, tornou-se muçulmano. Uma das esposas deste homem ficou impressionada com os cânticos que São Vicente cantava em oração e, descobrindo o significado, desaprovou o marido por ter deixado uma religião tão bela. O “dono” de São Vicente arrependeu-se e, em 1607, levou-o numa fuga perigosa pelo Mar Mediterrâneo, conseguindo chegar até Avignon. Lá, diante do legado do Papa, São Vicente retomou seu ministério sacerdotal e seu antigo dono voltou à fé católica. Os dois vieram um tempo com o Legado e, depois, foram para Roma. São Vicente formou-se em Direito Canônico e seu ex-dono ingressou num mosteiro.Mais tarde, foi nomeado capelão da Rainha e, em nome dela, ajudava aos pobres e visitava os enfermos no hospital de caridade. Foi nomeado vigário de Clichy, no subúrbio de Paris, mas não deixou suas práticas de caridade. Defendeu os prisioneiros condenados a serem remadores nos navios de guerra, pois viviam em condições sub-humanas, chegando a se colocar no lugar de um deles. Foi ardoroso apóstolo do sacramento da confissão. Por sua vida santa, foi nomeado capelão geral e real da França. Fundou a Congregação dos Padres Lazaristas, que tinham como missão evangelizar o povo pobre do interior. Foi conselheiro espiritual da corte francesa. Fundou a Congregação das Filhas da caridade, com Santa Luísa e Marillac e Margarida Nasseau, visando atender as mulheres de todas as idades. Foi o criador dos retiros espirituais e de muitas outras obras de caridade. Se vivia na corte real por missão, usava deste privilégio para ajudar aos pobres, socorrendo-os em tudo o que lhe fosse possível.Reformou o clero. Muitos diziam que sua humildade superava sua caridade. Santa Catarina Labouré, a quem Nossa Senhora revelou a Medalha Milagrosa, era uma freira da Congregação das Filhas da caridade e o beato Antônio Frederico Ozanan, inspirado na caridade do santo, fundou a Sociedade São Vicente de Paulo, uma associação de leigos que, há séculos, socorre os pobres fazendo um trabalho humilde e eficiente em várias partes do mundo.

O Terço de São Vicente de Paulo

O Terço de São Vicente de Paulo é o Terço dos pobres, necessitados, dos doentes e dos que praticam a caridade. É o Terço do amor ao próximo, da caridade que salva vidas e transforma os corações. É o Terço daqueles que buscam fazer o bem.

Como rezar o Terço de São Vicente de Paulo

Se possível, procure um lugar tranquilo, com uma imagem de São Vicente de Paulo. Acenda uma vela, símbolo da fé e tenha um terço.

No crucifixo: Sinal da cruz e Credo
Na primeira conta grande: Pai Nosso
Nas três primeiras contas pequenas: Ave-Maria
Na segunda conta grande: Glória

Fazer o pedido

Primeiro Mistério
No Primeiro Mistério contemplamos a família cristã de São Vicente de Paulo. Catequisado pela mãe, ele se tornou um dos maiores santos da Igreja e sua obra transformou a vida de milhões de pessoas ao redor do mundo. Pedimos a graça de valorizar a formação cristã dentro de nossas famílias.

Na conta grande:
Pai Nosso

Em todas as contas pequenas:
São Vicente de Paulo, apóstolo da caridade,
Ensina-nos a amar o próximo, pois ele é Jesus, de verdade.

Glória ao Pai...

Segundo Mistério
No Segundo Mistério contemplamos a vocação sacerdotal deSão Vicente de Paulo, sendo exemplo de humildade e caridade. E pedimos a graça de vivermos essas duas virtudes, para que Deus seja glorificado por nossas obras.

Terceiro Mistério
No Terceiro Mistério contemplamos os oito anos de escravidão vividos por São Vicente de Paulo, mantendo-se firma na fé, na oração e no perdão. Tanto que, por seu exemplo e piedade, foi libertado, libertando também seu ex-dono de uma vida de pecado. E pedimos a graça de suportarmos as adversidades da vida com fé, esperança, gratidão e louvor a Deus.

Quarto Mistério
No Quarto Mistério contemplamos a retomada do ministério sacerdotalde São Vicente de Paulo,servindo na corte dos poderosos e vivendo a caridade entre os pobres. E pedimos a graça de viver a caridade e o amor em todos os ambientes por onde passarmos.

Quinto Mistério
No Quinto Mistério contemplamos todas as obras de caridade criadas e inspiradas por São Vicente de Paulo. E pedimos a graça de sempre enxergar nos mais necessitados a própria pessoa de Nosso Senhor Jesus Cristo.

Salve Rainha

Oração a São Vicente de Paulo
“São Vicente, que tanto vos compadecestes dos pobres, eu vos peço, olhai para mim! Sou pobre. Estou passando necessidades. O dinheiro é curto e nunca chega para comprar tudo o que necessito. São Vicente! Sou pobre, mas tenho fé! Há gente mais pobre do que eu: são aqueles que não têm fé; porque esses têm a alma vazia. São Vicente, conservai minha riqueza, que é a fé; mas eu vos peço, aliviai também a minha pobreza. Ajudai-me a adquirir ao menos o necessário para me alimentar bem, para me vestir honestamente, comprar os remédios que preciso, as forças necessárias para fazer bem os meus trabalhos, cumprir as minhas obrigações e, assim, poder ser útil à minha família e a todos os que precisarem de minha ajuda. Assim seja.”

Veja alguns produtos de São Vicente de Paulo