Santos e ícones Católicos

Você está em: Santos e Ícones . História de Santos . Nossa Senhora da Evangelização

Um presente dos Espanhóis

A Tradição peruana conta que a imagem de Nossa Senhora da Evangelização é venerada na capital, Lima, desde 1540. A então recém-criada diocese de Lima recebeu a imagem doada pelo Imperador Carlos V da Espanha. Isso faz da imagem uma das mais antigas que recebem culto na região.

A evangelização

Presente no retábulo (ou saliência na parede, feita para exposição de imagens) mor da primeira catedral, a imagem de Nossa Senhora da Evangelização foi visitada por famosos santos peruanos e esteve presente nos Concílios realizados em Lima, principalmente o terceiro, promovido com o intuito de fortalecer a evangelização daquela região da América Latina.

A primeira rosa

Durante uma festa de grandes proporções, a primeira rosa que nasceu na cidade foi colocada diante da imagem de Nossa Senhora da Evangelização por Dom Frei Jerônimo de Loayza, o primeiro bispo da diocese. Um gesto de fé e carinho para com a Virgem Maria e para com a Evangelização.

A importância da imagem

A imagem de Nossa Senhora da Evangelização esteve sempre presente na vida da Igreja arquidiocesana de Lima. Ela foi, de fato, um símbolo muito importante no anúncio do Evangelho na região, que abrange desde o Cabo Hornos até a Nicaragua. Entre os momentos importantes da história, foi entoado a Nossa Senhora da Evangelização o “Te Deum” (canto de Louvor e gratidão a Deus) para comemorar a Independência Nacional em 1821.

A restauração

Há pouco tempo foi feita uma restauração na imagem de Nossa Senhora da Evangelização, que devolveu a ela seu esplendor original. Depois disso, ela foi colocada no altar do Santíssimo Sacramento na Catedral de Lima, onde permanece até hoje para veneração e orações dos fiéis.

As visitas de João Paulo II

Em 1985 o Papa João Paulo II, ao visitar o Peru pela primeira vez, coroou solenemente a imagem de Nossa Senhora da Evangelização. Após três anos, devido ao Congresso Eucarístico e Mariano dos países Bolivarianos, João Paulo II concedeu a ela a Rosa de Ouro, uma honra extraordinária.

As honras do conselho metropolitano

Nossa Senhora da Evangelização é honrada diariamente pelo conselho metropolitano com uma Missa que é celebrada em sua capela. Nessa missa, os fiéis recebem a Eucaristia e depois rezam o Santo Rosário e as Ladainhas Marianas do III Concílio Limenho, atribuidas a Santo Toribio de Mogrovejo, que é patrono do Episcopado latinoamericano.

Oração a Nossa Senhora da Evangelização

“Ó Maria, Mãe de Jesus e Mãe de sua Igreja, somos conscientes do papel que desempenhais na evangelização das pessoas que ainda não conhecem o vosso Filho. Estamos conscientes de como os missionários vieram com a força do Evangelho de Cristo e obtiveram sucesso no seu trabalho de evangelizadores. Sendo a Mãe da Divina Graça, vós estivestes com os missionários em todos os trabalhos. E, como Mãe da Igreja, vós presidistes todas as atividades de evangelização e a implantação do Evangelho nos corações dos fiéis. Vós sustentastes os missionários na esperança e lhes destes alegria a cada nova comunidade que nascia da atividade evangelizadora da Igreja.

Vós estivestes presente com a vossa intercessão e vossas orações, como a primeira graça do batismo plenificado, assim como aqueles que tiveram a vida nova em Cristo, vosso Filho, e experimentaram intensamente a realização de sua vocação cristã. Pedimos-lhe, Maria, para nos ajudar a cumprir essa missão de evangelizar que o vosso Filho confiou à sua Igreja, e que cabe a nós. Conscientes do vosso papel como Auxiliadora, nós nos entregamos a vós na missão de levar o Evangelho, de forma profunda a todos os corações e para a vida de todas as pessoas. Confiamos a vós o nosso mandato missionário e entregamos a nossa causa totalmente às vossas orações. Por Jesus Cristo, vosso Filho, com o Pai, na unidade do Espírito Santo sejam o louvor e a ação de graças por todos os séculos! Amém!”

Veja alguns produtos de Outros Santos