Devoção a Santos

Você está em: Santos e Ícones . Devoção a Santos . São Jorge

A devoção a São Jorge

São Jorge nasceu no ano 275, na antiga Capadócia, atual Turquia. Seu pai era militar, morto em combate. Viúva, sua mãe mudou-se com o filho para a Terra Santa e lá, conseguiu dar a Jorge uma ótima educação. Ainda jovem, Jorge ingressou no exército romano e, graças à sua aptidão para a carreira militar, rapidamente atingiu postos elevados. Aos 23 anos já era Tribuno Militar fazendo parte da alta corte da Nicomédia.

Jorge já era cristão por influência de sua mãe. Porém, a fé não exigia muito dele, pois vivia numa região onde o cristianismo era tolerado. Após a morte da mãe, Jorge, em posse de grande herança, passou para a corte do imperador. Aí, começou a ver como os cristãos eram maltratados pelo império. Por isso, começou um processo de conversão doando seus bens aos pobres.

Mais tarde, Jorge enfrentou o imperador posicionando-se contra um decreto que eliminaria os cristãos. Em seguida, assumiu publicamente sua fé em Cristo. Por isso, foi preso e torturado, com o intuito de renegar sua fé. São Jorge permaneceu fiel a seu Senhor, sendo motivo de conversão para muitos. Por isso, o imperador mandou que ele fosse degolado no dia 23 de abril de 303. E este passou a ser o dia de São Jorge. Em pouco tempo sua história se espalhou e várias igrejas foram erguidas em sua honra.

São Jorge e o dragão

A lenda conta que, liderando uma legião romana na Líbia, norte da África, São Jorge enfrentou e matou um terrível dragão que devorava crianças, fazendo com o local se convertesse à fé cristã. Alguns estudiosos creem que a história é simbólica. Na verdade, São Jorge teria enfrentado líderes cruéis de uma seita local que exigia sacrifícios humanos em troca de uma falsa proteção. Acabando com a farsa, toda a região aceitou a fé cristã.

Assim, a história de São Jorge e o dragão é muito mais significativa e atual. O dragão simboliza as forças do mal, que São Jorge vence pelo poder da fé, da coragem, da verdade e, principalmente, de Jesus Cristo, a Verdade que liberta.

A devoção a São Jorge

Baseado na história deste grande santo da Igreja, a devoção a São Jorge é a devoção daqueles que procuram a coragem, a verdade, a justiça e a fé inabalável. Coragem para enfrentar os problemas do dia a dia com fé e esperança. Verdade que vem do conhecimento de Nosso senhor Jesus Cristo, que é “A Verdade”. Justiça que vem da sabedoria de Deus e que leva liberdade e vida para todos. E fé inabalável para permanecer fiel, mesmo diante das grandes dificuldades, sofrimentos e tentações. São Jorge enfrentou terríveis inimigos em sua vida. Em todas as suas batalhas saiu vitorioso graças a fé em Jesus Cristo.

Oração a São Jorge

“Eu andarei vestido e armado, com as armas de São Jorge. Para  que  meus  inimigos tendo  pés não me alcancem, tendo mãos não me peguem, tendo olhos não me vejam, nem pensamentos eles possam ter para me fazerem mal. Armas de fogo o  meu corpo não alcançarão, facas  e  lanças  se  quebrem  sem  ao  meu corpo chegar, cordas  e correntes se quebrem sem ao meu corpo,  amarrar.       

São Jorge, cavaleiro corajoso, intrépido e vencedor; abre os meus caminhos. Ajuda-me a conseguir um bom emprego; fazei com que eu seja bem visto por todos: superiores, colegas e subordinados. Que a paz, o amor e a harmonia estejam sempre presentes no meu coração, no meu lar e no meu serviço; vela por mim e pelos meus, protegendo-nos sempre, abrindo e iluminando os nossos caminhos, ajudando-nos também a transmitirmos paz, amor e harmonia a todos que nos cercam. Amém.”

(rezar 1 Pai Nosso, 1 Ave Maria e 1 Glória ao Pai.)

Veja alguns produtos de São Jorge