Santos e ícones Católicos

Você está em: Santos e Ícones . Significado e Simbolismo . Santa Inês

Virgem, mártir, padroeira da castidade, dos jardineiros, das moças, dos noivos, das vítimas de estupro e das virgens.

A imagem revelada de Santa Inês

Oito dias após seu martírio, seus pais rezavam inconsoláveis em seu túmulo. Então, Santa Inês apareceu a eles com uma túnica branca, um manto azul, um cordeiro nos braços, uma palma na mão e com lírios perto de si. Seus pais vendo isso consolaram-se com a felicidade eterna da filha e permaneceram firmes na fé. Vamos, então, compreender os símbolos dessa imagem poderosa revelada pelos céus.

O Cordeiro de Santa Inês

O cordeiro na imagem de Santa Inês simboliza Jesus Cristo, o Cordeiro de Deus, aquele que tira o pecado do mundo. Santa Inês abraça o Cordeiro em seu peito, simbolizando o amor que ela tinha por Jesus Cristo, a ponto de dar sua vida por ele. O cordeiro é um animal dócil e não sabe se defender. Por isso, precisa ser cuidado. Analogamente, Santa Inês vivia sob os cuidados de Nosso Senhor Jesus Cristo, permitindo que Ele a conduzisse em sua vida e a defendesse de todo o mal.

O lírio de Santa Inês

A flor de lírio é símbolo da pureza, da castidade e representa, também, o amor eterno dedicado a Jesus Cristo. Santa Inês entregou sua vida ao Senhor, consagrando a ele sua castidade. Aos 13 anos, porém, foi pedida em casamento pelo filho do prefeito de Roma chamado Fúlvio. Ela recusou pelo fato de ser cristã e ter se consagrado a Deus. Por isso, Fúlvio a denunciou como cristã e ela foi martirizada por causa de sua fé em Cristo.

A palma de Santa Inês

A palma é símbolo do martírio e da vitória de Cristo sobre o pecado e a morte. Também representa a vitória dos santos sobre o pecado e a morte, pela fé em Jesus. Santa Inês enfrentou as piores torturas e, por fim, a morte, pelo fato de professar sua fé em Jesus Cristo. Por isso, ela leva a palma da vitória em sua mão, pois, enfrentando a morte por causa de Jesus e 'com Ele', ela alcançou a vitória da vida eterna.

Túnica branca

A cor branca simboliza a pureza, a inocência e a santidade. O santo tem sempre a mente e o coração limpos. Ao vestir a túnica branca, a pessoa está se revestindo da pessoa de Cristo, que é o único verdadeiramente puro e santo. A túnica representa também a virgindade. Santa Inês optou por consagrar sua virgindade a Jesus Cristo. Por isso, ela recusou se casar com o filho do prefeito de Roma. Por isso, ela recebeu um castigo terrível: foi exposta nua num prostíbulo do circo de Roma. Deus, porém, a protegeu fazendo uma grande luz brilhar em volta de seu corpo e impedindo que os homens se aproximassem dela. Assim, ela manteve sua virgindade. Por isso a túnica branca em sua imagem.

Manto azul de Santa Inês

O azul simboliza o céu, a origem celestial de Cristo e a morada de todos os santos. Também simboliza a verdade. Santa Inês falou a verdade a Fúlvio e proclamou a verdade sobre Jesus Cristo quando foi obrigada a prestar culto à deusa romana chamada Vesta. Santa Inês negou dizendo que só prestaria culto ao único Deus vivo proclamado pelos cristãos. Ela foi torturada por isso, mas permaneceu firme em sua fé.

Auréola de Santa Inês

A auréola simboliza a santidade de Inês, adolescente de apenas 13 anos. No momento de sua morte, em 21 de janeiro de 317, os cristãos de Roma testemunharam sua santidade. Depois, a Igreja a proclamou santa pelo fato de ela ter sido mártir, ou seja, deu sua vida por causa da fé em Jesus Cristo.

Oração a Santa Inês

'Ó dulcíssimo Senhor Jesus Cristo, fonte de todas as virtudes, amigo das almas virginais, vencedor fortíssimo das ciladas dos poderosos, severíssimo extirpador de todos os vícios, lançai propício vosso olhar para a minha fraqueza, e pela intercessão de Santa Inês, concedei o auxilio de vossa divina graça. Santa Inês, rogai por nós. Amém.'

Veja alguns produtos de Santa Inês