Santos e ícones Católicos

Você está em: Santos e Ícones . História de Santos . Nossa Senhora da Paixão

Os elementos da imagem de Nossa Senhora da Paixão

De acordo com os estudiosos da arte sacra, o quadro de Nossa Senhora do Perpetuo Socorro é caracterizado e conhecido também como “Virgem da Paixão”. Isso se dá porque todos os seus elementos e a sua mensagem demonstram a Paixão de Cristo, nosso Redentor. Pode-se observar na imagem os arcanjos com instrumentos da paixão e da agonia do Senhor, além da postura defensiva em que se encontra o Menino Jesus e o semblante de dor nos rostos de Maria e de seu Filho.

Uma representação diferente

Em comparação com as outras representações de Nossa Senhora, podemos perceber que o quadro de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro possui elementos diferentes e únicos como a cor das roupas. Em Nossa Senhora o vermelho simboliza o sangue e o azul escuro simboliza o sofrimento. No Menino Jesus, o dourado simboliza sua divindade e o verde, a vitória da vida sobre a morte e o sofrimento. Porém, há outras representações de Nossa Senhora da Paixão.

Também conhecida como Nossa Senhora das Dores

Os outros ícones de Nossa Senhora da Paixão normalmente representam a Virgem Maria com o Menino Jesus em seus braços e os instrumentos da paixão. Na cultura da Igreja Católica o título de Nossa Senhora da Paixão remete também ao título de “Nossa Senhora das Dores” ou “Virgem das Dores”, representada com espadas que traspassam seu coração. Porém, a representação mais significativa de Nossa senhora da Paixão é mesmo a de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Os detalhes do ícone: uma imagem que fala

Nas representações de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro ou da Paixão, é possível observar a presença de instrumentos que remetem à paixão de Cristo nas mãos de anjos ou de arcanjos, com inscrições em Latim ou Grego no topo das figuras. A imagem mostra o movimento do Menino Jesus ao ver os instrumentos de sua paixão, assustando-se com eles, procurando refúgio nos braços de Maria. O Menino mexe sua perna com movimentos bruscos, deixando uma sandália se soltar de seu pé, ficando presa por um cordão. Maria acolhe o Menino com muita compaixão e ternura, olhando para frente como se tivesse vislumbres dos sofrimentos de Jesus.

A origem das representações de Nossa Senhora da Paixão

As antigas representações de Nossa Senhora da Paixão são muito mais raras que outros ícones de Nossa Senhora. Atualmente são conhecidas aproximadamente cem imagens. Segundo alguns estudos realizados, essas representações têm origem na ilha de Creta e nas regiões vizinhas, e se espalhou principalmente a partir do século XIV. Já no Ocidente, esta representação foi muito difundida em Veneza, na Itália.

Uma síntese mariológica encantadora

A imagem de Nossa Senhora da Paixão traz uma síntese mariológica encantadora. Maria é representada como Mãe de Jesus, nosso Redentor, acolhendo-O, protegendo-O e acompanhando-O por toda sua vida. A Virgem da Paixão também é considerada a mãe dos redimidos, a mãe daqueles que seguem as palavras de Jesus.

Também intitulada como Nossa Senhora do Perpétuo Socorro

O quadro é popularmente conhecido pelo título “Nossa Senhora do Perpétuo Socorro”. Nele, a Virgem Maria é representada olhando para seus devotos com muita compaixão e ternura, pronta para vir em seu auxílio sempre que necessário. Charles de Foucauld falava ainda Em 1896: “Este título fica tão bem à Santíssima Virgem! Nós, seres humanos fracos e vacilantes, precisamos tanto de sua constante ajuda”.

Oração a Nossa Senhora da Paixão

“Ó Mãe do Perpétuo Socorro, Nossa senhora da Paixão, nós vos suplicamos, com toda a força de nosso coração, amparar a cada um de nós em vosso colo materno, nos momentos de insegurança e sofrimento; que o vosso olhar esteja sempre atento para não nos deixar cair em tentação; que em vosso silêncio aprendamos a aquietar nosso coração e fazer a vontade do Pai. Intercedei junto ao Pai pela paz no mundo e em nossas famílias. Abençoai todos os vossos filhos e filhas enfermos.

Iluminai nossos governantes e representantes, para que sejam sempre servidores do grande povo de Deus. Concedei-nos ainda muitas e santas vocações religiosas, sacerdotais e missionárias para a maior difusão do reino de vosso Filho Jesus Cristo. Enfim, derramei nos corações dos vossos filhos e filhas a Vossa bênção de amor e misericórdia. Sede sempre o nosso Perpétuo Socorro na vida e principalmente na hora da morte. Amém.”

Veja alguns produtos de Outros Santos