Santos e ícones Católicos

Você está em: Santos e Ícones . História de Santos . São José Moscati

Médico, cientista e professor de medicina

Origens

Filho de família nobre da cidade de Benevendo, Itália, José Moscati nasceu em 25 de julho de 1880. Seu pai era presidente do Tribunal de Justiça e se chamava Francisco. Sua mãe se chamava Rosa de Luca e também vinha de uma família nobre. Seus pais eram católicos praticantes. Tanto que José Moscati foi batizado em sua casa, no dia da festa de Santo Inácio de Loyola.

Encontro pessoal com Jesus

No ano 1884, a família do pequeno José Moscati mudou-se para a cidade de Nápoles porque seu pai fora promovido. Lá, o menino José, com apenas oito anos, fez a primeira comunhão. Mas não foi só isso. Ele teve um encontro pessoal com Jesus na eucaristia. Nesse dia, o embrião da vida eucarística de São José Moscati ganhou vida. A Eucaristia foi, ao longo de toda sua vida, alimento espiritual diário, que guiou toda a sua história.

Juventude para Deus

Aos dezessete anos, o jovem José Moscati já um adulto na fé. Isso aparecia claramente em sua devoção fiel à Virgem Maria e à Eucaristia. E, como fruto de sua devoção, revelava-se seu amor para com os pobres e necessitados. Sua devoção não era vazia nem alienada. Aos dezessete anos sentiu no coração o desejo de fazer voto de castidade perpétua. Porém, não sentia-se chamado à vida religiosa nem tampouco ao sacerdócio. Ela já percebia que seu caminho seria como leigo ativo na Igreja.

Ativo na caridade e na vida espiritual

José Moscati era um participante bastante ativo da vida paroquial. Jovem de missa e comunhão diárias, sentia especial compaixão pelos pobres, doentes e, em especial, os incuráveis. A lida com esses últimos, assistindo-os em suas necessidades, o ajudou-o a perceber o quão efêmera e passageira é a vida neste mundo.

Sofrimento com o irmão – descoberta da vocação para a medicina

Na juventude de São José Moscati, seu irmão Alberto começou a sofrer ataques de epilepsia. A partir de então, José passou a cuidar de seu irmão. Dispensava horas e horas de seu dia aos cuidados de Alberto. Este cuidado despertou em José o desejo de estudar medicina.

Médico

José Moscati dedicou-se, então, à faculdade de medicina. Logo ele se destacou pelo empenho, pela inteligência, pela comet6encia e pelo cuidado com os doentes. Em 1903 ele recebeu seu título de doutorado em medicina, após defender uma tese brilhante. A partir de então, o hospital, a universidade e a Igreja se tornaram o grande campo de suas atividades.

Trabalho com os incuráveis

No mesmo ano de seu doutorado, José Moscati passou a ser membro do corpo de médicos do Hospital dos Incuráveis em Nápoles. Ali, passou a ser respeitado e admirado pelo seu conhecimento científico e pela caridade para com os doentes. Unindo ciência, fé e caridade, conquistou o coração de todos no hospital. Nesse tempo, seu irmão Alberto faleceu, o que lhe causou grande dor.

Diretor

Por causa de sua competência excepcional, São José Moscati foi nomeado diretor responsável pela terceira ala masculina do Hospital dos Incuráveis de Nápoles. Ali, dedicou sua vida, inteligência, competência e amor para com aqueles doentes portadores de doenças incuráveis. Levou conforto, amor e amizade àqueles que não tinham mais esperança neste mundo. Ajudou inúmeros a morrerem em paz e na graça de Deus, confortando-os com os recursos da medicina de então e com a fé que nos assegura uma vida muito melhor que esta, marcada pelo sofrimento.

Morte

São José Moscati teve uma morte abençoada e serena. No dia 12 de abril de 1927, ele foi à missa, como fazia diariamente e comungou o corpo de Cristo, como sempre. Depois, foi para o hospital, cumpriu seu turno de trabalho aliviando o sofrimento de muitos. À tarde, voltou para sua casa e foi atender mais alguns doentes em consultas. Numa dessas consultas, sentiu-se mal, recostou-se, entregou sua alma a Deus e faleceu na serenidade. A notícia encheu Nápoles de tristeza pela perda de um santo tão querido.

Devoção

Pouco tempo depois de sua morte, notícias de graças alcançadas através da intercessão de São José Moscati se espalharam. Ele foi beatificado em 1975 pelo Papa Paulo VI. E em 25 de outubro de 1987 ele foi canonizado pelo Papa João Paulo II. Um leigo, médico que dedicou sua vida aos doentes incuráveis, aliviando seus sofrimentos e confortando seus corações.

Oração a São José Moscati

Ó Deus, que destes a São José Moscati a graça de unir a ciência à caridade e à fé, dai aos médicos e cientistas o espírito de amor ao próximo e de fazer colocar o conhecimento científico em favor do bem de todos, para que o vosso nome seja sempre glorificado. Por Cristo, Senhor nosso, amém. São José Moscati, rogai por nós.”

Veja alguns produtos de Outros Santos